2
Campo Grande - MS Busca
Últimas Notícias
Energisa

Verão e Calor: A Energisa dá dicas para um consumo consciente e brincadeiras seguras

Em época de calor intenso e férias escolares, o uso consciente garante segurança e economia.

17 jan 2024 às 13h30min | Douglas Duarte
Compartilhe:

Créditos: Divulgação

Estamos no verão! Estação do ano em que as crianças estão de férias e que muitas memórias são criadas, onde a alegria e a liberdade se encontram em cada pôr do sol, lembrando-nos de que a vida é um ciclo de renovação. É a época do ano em que os dias são mais longos e o relógio parece desacelerar. Mas é tempo também de atenção redobrada: afinal, férias e verão são sinônimos de mudança total na rotina de muitas famílias. 

– Calor intenso, crianças em casa por mais tempo devido às férias escolares, maior frequência de visitas, confraternizações… A rotina de muitas casas muda consideravelmente no final do ano e a soma dessas mudanças impactam o consumo de energia – explica Thiago Peres de Oliveira, coordenador de eficiência energética da Energisa.

E se o verão que já é marcado por temperaturas mais altas, prepare-se, porque neste ano, espera-se um verão ainda mais quente devido ao El Niño. Em novembro e dezembro, já sentimos o efeito das temperaturas extremas. Para janeiro e fevereiro, a previsão indica que as temperaturas devem ser registradas acima da média, com possibilidade de mais eventos de “ondas de calor”, ou seja, quando a temperatura fica ao menos 5° C acima da média por vários dias consecutivos.

Clima quente é também sinônimo de maior consumo de energia: aumento do uso de aparelhos de ar-condicionado para lidar com as altas temperaturas, utilização intensificada de ventiladores, refrigeradores e aparelhos eletrônicos. Ou seja, é preciso estar ainda mais atento, afinal, são os pequenos hábitos de consumo consciente que podem evitar surpresas na conta de luz.

Dicas de consumo consciente

Um dos principais vilões do consumo nessa época do ano é o ar-condicionado, que se não for usado de forma eficiente, pode aumentar significativamente a conta de energia. Tá calor e vai ligar o ar-condicionado? Se liga nessas 3 dicas do Thiago:

  • Depois de ligado, manter as portas e janelas bem fechadas para evitar ao máximo a troca de calor. Caso contrário, o equipamento pode acabar demandando bastante energia para manter a temperatura do ambiente mais baixa e isso aumenta o consumo de energia.
  • 23°C é a temperatura ideal do aparelho para deixar o clima confortável.
  • É indispensável manter a limpeza dos filtros. A sujeira impede a circulação do ar e, consequentemente, faz o equipamento gastar mais.

Quem tem crianças em casa sabe que no período das férias elas passam a ficar mais tempo com a TV, computador e videogames ligados, o que também contribui para a alta no consumo. A dica aqui é procurar estabelecer horários para o uso dos eletrônicos e conscientizar os pequenos sobre a importância de economizar.

– Uma tomada irregular é um risco muito grande para as crianças que se divertem usando os eletrônicos. Deixar que a criança use o celular ou tablet enquanto está carregando, ou ligar o videogame junto com outros aparelhos, sobrecarregando a tomada, são atos inseguros que podem provocar acidentes com consequências graves. Por isso, é importante não usar aparelhos eletrônicos quando estiverem carregando. E jamais utilize fones de ouvidos quando o celular estiver conectado à tomada, pois pode provocar choques elétricos – alerta Valdecy Silva Barros Junior, supervisor da Energisa Minas Rio.

É também no período de férias que a casa fica mais cheia: confraternizações e a chegada de familiares e amigos. E é aqui que aparece um outro vilão do consumo da energia: o famoso “abre e fecha” da geladeira e do freezer. Nesses casos, a dica é deixar as bebidas e produtos que vai precisar na parte mais visível e acessível para pegar tudo com mais rapidez.

– Quanto mais tempo a geladeira e o freezer ficarem abertos, mais energia vão consumir. E nada de colocar alimentos quentes nos refrigeradores, o correto é esperar esfriar para depois guardar – reforça Thiago.

O uso em excesso dos equipamentos eletrônicos também pode gerar um gasto extra ao final do mês. Mas atitudes simples podem contribuir para a economia de energia como: abrir as cortinas e aproveitar a luz natural do dia, utilizar lâmpadas LED, retirar os aparelhos que não estiver usando da tomada, juntar as roupas e passá-las de uma só vez, evitar banhos longos na posição “inverno” para quem usa chuveiro elétrico.

E se você enfeitou a casa com luzes, é bom ter em mente que é importante não exagerar: estabeleça um horário para mantê-las acesas. Isso também se aplica às lâmpadas e outros aparelhos eletrônicos que permanecem em modo de espera. O ideal é mantê-los conectados somente quando estiverem sendo utilizados.

Dicas de segurança para pipas

Além da importância em consumir energia de forma consciente, é preciso estar atento à segurança das crianças e adolescentes, para evitar acidentes envolvendo eletricidade. No período de férias, além do uso por mais tempo de aparelhos eletrônicos, é muito comum o hábito de soltar pipa, papagaio ou cafifa, como é chamado esse brinquedo em diversas regiões do país.

Soltar pipa é dar asas à diversão, é sentir o vento, é pura liberdade, risadas soltas e um jeito divertido de brincar ao ar livre. Mas é indispensável escolher bem os locais para que a brincadeira seja segura.

A dica é levar os pequenos para parques e campos abertos, longe da rede de energia, o que evita acidentes e interrupção do fornecimento de energia. De 2022 até junho deste ano, foram registradas pela Energisa em Nova Friburgo, 22 ocorrências por pipa na rede, interrompendo o fornecimento de energia para aproximadamente 10 mil clientes. É pensando na segurança e bem-estar dos seus clientes e nas comunidades em que está inserida que a Energisa não tem medido esforços para mapear áreas de risco e conscientizar a população a se proteger de acidentes simples que podem ser fatais.

Choveu? Deixa a pipa pra outro dia. A recomendação é não soltar pipa em dias chuvosos, especialmente quando houver raios, porque eles são atraídos por pontos altos. E a pipa, nessas circunstâncias, pode ser esse ponto mais alto. Neste verão, além do intenso calor, a tendência é de menos dias chuvosos.

– No entanto, para alguns dias, não se descarta a possibilidade de temporais, acompanhados de raios. Vale reforçar a importância de procurar um abrigo seguro e evitar ficar exposto em locais abertos – explica Ana Paula Paes, meteorologista e consultora da Energisa.

Confira todas as dicas de segurança ao soltar pipas:

  • Procure um local aberto e longe da rede elétrica;
  • Jamais solte pipa próximo em áreas urbanas;
  • Nunca use fios metálicos nem papel laminado para confeccionar a pipa, pois eles são como condutores de energia e podem causar choques fatais;
  • Não use cerol. Além do risco de ferir ou mesmo matar, o cerol danifica os fios de energia;
  • Se a pipa enroscar na rede elétrica, acione a Energisa. Apenas profissionais autorizados pela empresa, munidos de todos os itens de segurança e treinamentos necessários, podem fazer a manutenção na rede elétrica;
  • Não solte pipas em dias de chuva ou vento muito forte. Em caso de relâmpagos, recolha a pipa imediatamente;
  • Alerte outras pessoas sobre o risco de soltar pipas sem os devidos cuidados. A conscientização é fundamental para reduzir transtornos e acidentes;
  • Ao verificar pipas presas à rede elétrica, entre em contato com a Energisa por meio dos nossos canais de atendimento: aplicativo Energisa On; site: www.energisa.com.br; Call Center: 0800 032 0196.

Enquanto o verão traz a promessa de dias ensolarados e momentos inesquecíveis, é fundamental lembrar que essa estação pede não apenas diversão, mas também atenção redobrada. Seja ao consumir energia de forma consciente, seguindo as dicas para economizar sem abrir mão do conforto, ou ao garantir a segurança das brincadeiras ao ar livre, especialmente ao soltar pipas e utilizar aparelhos eletrônicos. Com pequenos gestos e precauções, é possível desfrutar ao máximo dessa estação vibrante e repleta de experiências marcantes, garantindo momentos seguros e cheios de alegria para todos.