2
Campo Grande - MS Busca

Procon Municipal encontra variação de até 26,32% no gás de cozinha de 13kg

Desde março de 2022, quando a Petrobrás S.A. anunciou o aumento de 16,1% ao preço do gás de cozinha, o Procon Municipal de Campo Grande monitora a evolução dos preços na Capital. O panorama econômico e os impactos ocasionados por eventuais variações ocorridas em relação à demanda/oferta do gás de cozinha de 13kg, justificam o […]

15:21 - 24 maio 2023 | Por

Desde março de 2022, quando a Petrobrás S.A. anunciou o aumento de 16,1% ao preço do gás de cozinha, o Procon Municipal de Campo Grande monitora a evolução dos preços na Capital. O panorama econômico e os impactos ocasionados por eventuais variações ocorridas em relação à demanda/oferta do gás de cozinha de 13kg, justificam o monitoramento dos preços. Após a evolução em referência, ocorreram algumas reduções nos preços, sendo que a última foi de 21,3% em 16/5/2023. A pesquisa foi realizada no dia 22 de maio com botijão de gás de cozinha de 13kg, o mais utilizado pelos consumidores residenciais e comércios de pequeno porte, em 25 estabelecimentos comerciais, nesta Capital. Na análise dos valores, obteve-se uma variação de até 26,32%, sendo que o menor preço encontrado foi de R$ 95,00. E o maior preço encontrado foi de R$ 120,00. Cleiton Thiago de Almeida Pereira, subsecretário de Proteção e Defesa do Consumidor, orienta que os consumidores façam pesquisas antes da compra, pois poderão encontrar promoções pontuais nos estabelecimentos comerciais. “O segredo para economizar é sempre pesquisar, assim podemos encontrar promoções nos estabelecimentos comerciais, que são pontuais. Ainda assim, o Procon Municipal segue analisando os preços dos produtos e os estabelecimentos”, afirma o subsecretário. A tabela de pesquisa de preço pode ser consultada no link a seguir: https://www.campogrande.ms.gov.br/cgnoticias/noticias/procon-municipal-encontra-variacao-de-ate-2632-no-gas-de-cozinha-de-13kg/pesquisa-de-gas-de-cozinha-maio23-atualizada/ Dicas para economizar o gás de cozinha: • Negocie com o revendedor para conseguir um desconto à vista e na taxa de serviço de entrega para que possa economizar, e que sempre exija a nota fiscal de compra, que é uma garantia que o botijão e o estabelecimento está regulado pela ANP;• Dependendo da forma de pagamento utilizada pelo consumidor (crédito, débito, dinheiro e PIX) pode haver variação para mais ou para menos;• Preste atenção também ao escolher a marca do produto. Esta também pode influenciar no valor final a ser pago pelo consumidor;• Evite correntes de ar na cozinha;• Prefira cozinhar com panelas tampadas;• Cuide da manutenção do seu fogão – As chamas do gás devem apresentar coloração azulada. A presença de tonalidades amareladas, que sujam o fundo da panela, é sinal de que os queimadores estão sujos ou desregulados, o que aumenta o consumo de gás;• Aproveite o vapor da panela onde faz algumas receitas, como o arroz, para cozinhar legumes. Coloque em cima da panela um escorredor metálico que se encaixe bem, disponha os legumes picados dentro e tampe. Os legumes cozinharão no vapor do arroz e você economizará gás e tempo.