2
Campo Grande - MS Busca
CNH MS Social

Processo de habilitação pelo CNH MS Social beneficiará 240 pessoas

A iniciativa é do Governo do Estado, por meio do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul).

22:00 - 27 set 2023 | Por Assessoria

Foto: Assessoria

Os selecionados no programa CNH MS Social dos municípios da regional de Nova Andradina iniciam o processo da primeira habilitação entre os dias 2 a 9 de outubro. A iniciativa é do Governo do Estado, por meio do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul).

A relação dos contemplados foi publicada hoje no Diário Oficial do Estado (DOE), com a convocação de 210 candidatos – 85 de Nova Andradina, 25 de Anaurilândia, 34 de Bataguassu, 29 de Batayporã, 20 de Ivinhema, seis de Novo Horizonte do Sul e dez de Taquarussu.

Na publicação, que pode ser conferida a partir da página 51 do DOE (clicando aqui), é possível verificar o dia e horário que os convocados terão que comparecer ao Detran da cidade designada, para dar início a abertura do processo e fazer a captura de imagem.

Nas cidades de Novo Horizonte do Sul e Taquarussu, os candidatos devem ficar atentos, pois a chamada é apenas para o dia 3 de outubro. Nas cidades de Anaurilândia, Batayporã e Ivinhema, serão dois dias de atendimento – 3 e 4 de outubro. Em Nova Andradina o atendimento está agendado para ocorrer entre os dias 2 e 6 de outubro. Na cidade de Bataguassu os atendimentos serão nos dias 2 e 9.

Benefício

O programa CNH MS Social, criado pelo Governo do Estado e desenvolvido pelo Detran-MS, concede a Carteira Nacional de Habilitação de graça para pessoas em situação de vulnerabilidade social.

O CNH MS Social vai beneficiar 5 mil pessoas em situação de vulnerabilidade social com acesso gratuito à primeira habilitação, nas categorias A, B e AB, em todo Mato Grosso do Sul.

Considerando que o custo médio do processo de retirada de cada CNH tem o custo médio de R$ 3,2 mil, serão investidos cerca de R$ 16 milhões.

Todo o processo de habilitação, incluindo gastos com a autoescola (aulas teóricas e práticas) e até o recolhimento das taxas do órgão de trânsito são custeadas pelo Governo do Estado.

Os candidatos que tiverem dúvidas podem entrar em contato pelo número (67) 3368-0100 das 7h30 às 11h30 e das 12h30 às 16h30 de segunda a sexta.

Rodrigo Maia, Detran-MS

Foto: Saul Schramm

Web Stories