2
Campo Grande - MS Busca
Juventude

Prefeitura lança projeto “Quem Ama Cuida”, que oferece atendimento psicossocial gratuito aos jovens de Campo Grande

Os encontros serão semanais e trabalhadas habilidades como autoconfiança, autocontrole, autoestima, entre outros.

16:00 - 07 set 2023 | Por Douglas Duarte

Créditos: PMCG

Em comemoração aos 124 anos de Campo Grande, a Prefeitura lançou nessa quarta-feira (06) o Projeto “Quem Ama Cuida – Grupo Terapêutico e Psicoterapia”, programa que vai oferecer a partir do dia 12 de setembro, atendimento psicossocial direcionado a jovens acima de 15 anos e suas famílias.

Os encontros serão semanais e trabalhadas habilidades como autoconfiança, autocontrole, autoestima, entre outros. O jovem vai passar por uma triagem psicossocial, onde será avaliada a necessidade e a demanda. O projeto também conta com parcerias de universidades, que disponibilizarão acadêmicos de psicologia do último ano, que auxiliarão nos atendimentos.

O projeto tem como objetivo garantir acesso dos adolescentes, jovens e responsáveis ao atendimento especializado, seja ele individual ou por meio de grupos terapêuticos (psicoterapia em grupo). Para a psicóloga Débora Uchoa, que faz parte da equipe multidisciplinar, o programa é um marco para a juventude, pois vai garantir atendimento psicológico para as sete regiões da Capital. “Muitas vezes, o jovem não tem nem dinheiro para o transporte, por isso, além dos atendimentos na Secretaria Municipal da Juventude, vamos para os bairros, pois acreditamos que o jovem e sua família necessitam desse cuidado. O grupo terapêutico não trata só a causa, ele psicoeduca o jovem para lidar com seus conflitos”, explica.

VISIBILIDADE

Para a coordenadora do curso de Psicologia da Universidade Estácio de Sá, Maísa Colombo, parceira do projeto, o programa vem ao encontro as necessidades atuais. “Durante muito tempo, escondemos a depressão, mas isso faz parte do passado. Precisamos agradecer a Prefeitura por dar visibilidade e cuidar da saúde mental do jovem”, destacou.

O secretário municipal da Juventude Maicon Nogueira explica que não basta somente dar certificação aos jovens, é necessário cuidar integralmente. “As políticas públicas são feitas em cima de dados e esse é o nosso desafio. Quero agradecer a confiança no poder público e vamos nos empenhar para atender bem as pessoas que precisam desse acolhimento”, disse.

O secretário municipal de Governo e Relações Institucionais, João Rocha, salientou a importância desse trabalho conjunto em Campo Grande, por meio das parcerias e do trabalho. “Estamos vivendo esse momento importante de mudança de paradigmas, e temos que cuidar com muito carinho das pessoas também, e principalmente da base, que são nossos jovens”.

Serão disponibilizadas, aproximadamente, 400 vagas para a terapia na sede da Sejuv e mais 210 vagas para os atendimentos nos bairros. Informações sobre os atendimentos podem ser feitos pelo WhatsApp (67) 99131-4671.