2
Campo Grande - MS Busca
Policial

Mulher é mantida em cárcere por cinco dias após dívida de ex-marido com o crime

O caso aconteceu em Campo Grande.

17:00 - 15 out 2023 | Por Douglas Duarte

Durante cinco dias, mulher de 31 anos foi mantida em cárcere privado por membros de uma facção criminosa de São Paulo em virtude de uma dívida de droga de seu ex-marido com o grupo. A mulher foi encontrada  amarrada próximo a antiga Estação Ferroviária Trem do Pantanal, na Capital, após uma denúncia de um vigilante que passava no local neste domingo (15).

De acordo com uma equipe da GCM (Guarda Civil Metropolitana), ela estava amordaçada, com os braços e pernas amarrados,  e com os olhos vendados. De acordo com o boletim emitido pela equipe, os guardas cortaram as amarrações e a mulher  se mostrou consciente, apesar de estar sem documento e nenhum objeto.

Conforme os guardas municipais, a mulher disse que o cárcere pode ter sido motivado por uma dívida de seu ex-companheiro conhecido como Claudionor, vulgo “Magrinho”, que segundo ela, seria traficante e teria conseguido uma quantidade de droga com a organização criminosa e sumido, o que teria motivado o grupo a mantê-la em cárcere por todo esse período. Perguntada, ela disse não saber onde o homem estaria.

Em contato com a GCM, a mulher disse que durante o período em que esteve sob cárcere passou por algumas casas, com pessoas diferentes, armas de fogo, além de ser agredida com paus, antes que fosse deixada na região em que foi encontrada nesta manhã. Com muitas dores, a mulher foi encaminhada para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Santa Mônica, e seguiu para o  Depac-Cepol (Centro Especializado de Polícia Integrada) para esclarecer os fatos.

Pular para o conteúdo