2
Campo Grande - MS Busca

Governo do Estado lança na sexta-feira editais com R$ 10 milhões para incentivo a pesquisas em MS

A Fundect (Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul), órgão vinculado à Semadesc (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação) responsável por gerenciar os investimentos em inovação e pesquisas científicas, lança na sexta-feira (2), investimentos de R$ 10 milhões em dois editais para […]

14:50 - 01 jun 2023 | Por

A Fundect (Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul), órgão vinculado à Semadesc (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação) responsável por gerenciar os investimentos em inovação e pesquisas científicas, lança na sexta-feira (2), investimentos de R$ 10 milhões em dois editais para inovação empresarial e incentivo a jovens pesquisadores. O evento será no auditório da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul), em Campo Grande, a partir das 9 horas.

Um dos editais lançados será o do programa Pictec (Programa de Iniciação Científica e Tecnológica do Estado de Mato Grosso do Sul), que está em sua terceira edição e vai ampliar para 200 o número de pesquisas de escolas públicas atendidas com bolsas de iniciação científica. Serão 140 em escolas estaduais e 60 nas escolas federais de Mato Grosso do Sul. O valor total do investimento será de R$ 5,76 milhões. As bolsas de R$ 400 serão pagas a estudantes do ensino médio. Já os professores-orientadores vão receber R$ 800.

O segundo edital a ser lançado refere-se a etapa de desenvolvimento do Programa Centelha 2, realizado em parceria com a Finep (Financiadora de Estudos e Projetos), o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), e a Fundação CERTI.

O Centelha tem o objetivo de estimular a criação de empreendimentos inovadores e disseminar a cultura empreendedora no Estado. Os participantes recebem capacitações, recursos financeiros e suporte para transformar ideias em negócios de sucesso. Na etapa que será iniciada nesta sexta-feira, os participantes receberão R$ 4,3 milhões para iniciar o desenvolvimento dos projetos.

Segundo o diretor-presidente da Fundect, Márcio de Araújo Pereira, os dois editais representam investimentos importantes para o Estado. O primeiro garante aos estudantes de escola pública incentivo para permanecer estudando, além de promover o contato dos jovens com a pesquisa e a inovação. Já o edital Centelha, assegura que ideias inovadoras possam surgir e ajudar no desenvolvimento do Estado.

“A Fundect trabalha o fomento à ciência de forma ampla. Os investimentos nos jovens preparam o amanhã, preparam futuros pesquisadores inovadores. Já projetos como o Centelha, garantem que as boas e criativas iniciativas atuais tenham terreno fértil para surgir e dar resultados. Nós destacamos os recursos investidos, pois é grande o impacto financeiro na vida dos estudantes e dos empreendedores com as bolsas, por exemplo. Mas também devemos falar de crescimento pessoal, de desenvolvimento de talentos. E é isso que faz do nosso Estado mais forte agora e no futuro. Não há nação que se desenvolveu sem investir em ciência e inovação, e Mato Grosso do Sul já segue este caminho, ampliando os investimentos.” explica Márcio Pereira.

Serviço – O lançamento dos editais será no auditório da Uems, em Campo Grande, a partir das 9 horas de sexta-feira, 2 de junho. A Uems está localizada na rua Dom Antônio Barbosa, 4155, saída para Rochedo.

Web Stories

Ex-vereador é morto após confusão em evento de confraternização Dicas para bons hábitos de sono para crianças Militar perde a vida após acidente grave em Aquidauana Traficante “Gringo” é executado O segredo do engajamento no Instagram