2
Campo Grande - MS Busca
Policial

Criança de 4 anos tem rosto dilacerado por pitbull

O caso ocorreu em Ribas do Rio Pardo.

17:05 - 21 set 2023 | Por Douglas Duarte

Créditos: Redes Sociais

Em três dias, um cão da raça pitbull deixou duas vítimas feridas no bairro Santo André, em Ribas do Rio Pardo, cidade a 86 quilômetros de Campo Grande. Uma delas é um menino de apenas 4 anos, que teve o rosto dilacerado pelo animal. A criança está internada na Santa Casa de Campo Grande, se recuperando de uma cirurgia. Após a repercussão dos ataques o cachorro foi capturado pela Vigilância Sanitária, na noite desta quarta-feira (20) e o tutor foi autuado por omissão de cautela.

Dor e revolta

Ainda abalado com a situação o motorista e pai do menino, Wagner Cillas, lembra o desespero de ver o sofrimento do filho. O ataque ocorreu na tarde da última segunda-feira (18), na rua Braulino Nogueira da Silva, no bairro Santo André, enquanto a criança retornava da escola, acompanhado de um conhecido da família.

De acordo com o motorista o cachorro estava amarrado do lado de fora da residência. No momento em que o garoto passava pela rua, ele foi mordido no rosto e arrastado pelo animal.

“Ele (cachorro) pulou e puxou meu filho, arrancou um pedaço da pele abaixo da orelha direita”, conta o morador.

O pequeno foi socorrido e levado em estado de choque para o Hospital Municipal Doutor José Maria Marques Domingues, no município. Contudo, devido a gravidade do ferimento a criança teve de ser transportada para a Santa Casa de Campo Grande, na mesma noite do ataque.

Na terça-feira (19), o menino passou por uma cirurgia para enxerto de pele. Conforme o pai a equipe médica removeu a pele da barriga do menino e o transplantou para a área do rosto, dilacerada pelo cachorro. O garoto segue em observação na unidade de saúde. Além da aflição de ver o sofrimento do filho o motorista ainda lida com o descaso do tutor do animal.

“Ele sequer comprovou se o cachorro era vacinado, não me deu nenhuma confirmação sobre a saúde do animal. Agora, meu filho ainda vai ter que tomar um monte de medicação, para prevenir qualquer infecção que possa ter sido transmitida pelo cachorro”, desabafa.

Nesta quinta-feira (21), o pai da criança será ouvido pela delegada Paula Barreto, titular da delegacia de Polícia Civil de Ribas do Rio Pardo.

Segundo ataque

O segundo ataque do pitbull ocorreu por volta das 5h desta quarta-feira (20). Um idoso, de 66 anos, foi mordido no braço ao sair de casa.

“Eu ia sair para ir para a chácara e o pitbull pulou em mim na frente da minha casa”, disse a vítima em vídeo postado na página Ribas Ordinário.

Após a denúncia feita pela página local a Polícia Civil de Ribas do Rio Pardo encaminhou equipes na casa do tutor do animal, na noite desta quarta-feira (20).

Foi omisso

O pitbull foi apreendido pela Vigilância Sanitária de Ribas do Rio Pardo e deve ser encaminhado para o CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) de Campo Grande. A reportagem apurou que o dono do animal também foi levado para prestar esclarecimentos na delegacia.

Ele foi liberado após o depoimento, mas vai responder judicialmente por omissão de cautela na guarda ou condução de animais. O crime pode levar à prisão e gerar multa.