2
Campo Grande - MS Busca
Últimas Notícias
Assistência Social

Confira a primeira lista dos beneficiados do Programa Locação Social

O objetivo do Programa de Locação Social é ampliar e diversificar as formas de acesso à moradia urbana, economicamente acessível a segmentos de interesse social.

03 set 2023 às 22h00min | Douglas Duarte
Compartilhe:

Créditos: PMCG

A Prefeitura de Campo Grande, por intermédio da Agência Municipal de Habitação e Assuntos Fundiários (Emha), publicou nesta quinta-feira (31), a primeira lista dos beneficiados pelo Programa Locação Social (PLS) conforme o Edital n. 07/2023, de 01 de março de 2023. No total, foram beneficiadas nove pessoas do grupo Geral e uma do grupo Centro. Confira a lista com o nome dos beneficiados aqui.

O objetivo do Programa de Locação Social é ampliar e diversificar as formas de acesso à moradia urbana, economicamente acessível a segmentos de interesse social, por meio da oferta direta de unidades habitacionais e, também, do subsídio para locação de unidades privadas. A Emha concede até 50% de subsídio aos selecionados para a locação dos imóveis, independentemente da situação socioeconômica do beneficiário e 100% para o grupo dos idosos e pessoas com deficiência física.

De acordo com a gerente do Programa Locação Social, Neide Viegas o programa recebeu mais de 5 mil inscrições somente no grupo Geral, que contempla a seis regiões de Campo Grande (Segredo, Prosa, Bandeira, Anhanduizinho, Lagoa e Imbirussu), 981 do grupo Centro e 1.180 do grupo dos Idosos. No entanto, muitos foram desclassificados por preenchimento incorreto do formulário de inscrição.

“Foram convocadas do grupo Geral 4.312 pessoas, porém nem todas compareceram. No grupo Centro, por exemplo, dos mais de 800 convocados, apenas 186 pessoas se apresentaram e 118 foram selecionadas, e do grupo dos Idosos, 236 convocados e somente 73 pessoas selecionadas. Atualmente, nós temos 38 vagas disponíveis para cada grupo”, explicou Neide Viega.

A quem se destina o programa?

O programa de locação é dirigido às famílias com renda familiar mensal bruta entre 1 (um) e 3 (três) salários mínimos que atenderem, cumulativamente, aos seguintes requisitos:

Possuir renda familiar per capita igual ou superior a 25% (vinte e cinco por cento) do salário mínimo;

Não ser proprietário, promitente comprador, permissionário, promitente permissionário de direitos de aquisição, usufrutuário ou arrendatário de outro imóvel;

Não ter sido contemplada, em caráter definitivo, por programas habitacionais públicos;

Estar cadastrada no Cadastro Geral da Agência Municipal de Habitação e Assuntos Fundiários (Emha).

É admitido o atendimento para famílias com renda familiar mensal bruta superior a 3 (três) salários mínimos, limitada a 5 (cinco) salários mínimos, desde que a renda per capita não exceda 1 (um) salário mínimo.

Convocados

A gerente do Programa Locação Social informou que os convocados que compareceram até a agência de habitação, preencheram o perfil e entregaram a cópia dos documentos precisam aguardar, uma vez que a tramitação das negociações está sendo feita junto à imobiliária credenciada com os primeiros 400 classificados.“

Já aqueles que ainda não foram chamados e necessitam de maiores informações, podem comparecer no ponto de atendimento da Emha no Shopping Norte Sul Plaza que o setor de Locação Social estará esclarecendo e solucionando todas as dúvidas”, convidou Neide Viegas.

O Shopping Norte Sul está localizado na Avenida Presidente Ernesto Geisel, nº 5259, 1º piso, no Jardim Jóquei Club e funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h30.