2
Campo Grande - MS Busca
Startup Global MS

Com apoio do Governo do Estado, empresas de MS podem expandir atuação em incubadora de Portugal

O programa vai selecionar empresas para a fase de incubação em Portugal, no Parque de Ciência e Inovação da Região de Aveiro (PCI – Creative Science Park).

09:45 - 01 set 2023 | Por Douglas Duarte

Créditos: Gov MS

Startups e empresas de base tecnológica de Mato Grosso do Sul terão a oportunidade de expandir seus negócios para fora do Brasil por meio do Startup Global MS. O programa vai selecionar empresas para a fase de incubação em Portugal, no Parque de Ciência e Inovação da Região de Aveiro (PCI – Creative Science Park), onde poderão desenvolver os seus produtos e estabelecer conexões com parceiros globais. 

Com investimento de R$ 500 mil do Governo do Estado, via Fundect (Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul), o programa será desenvolvido pela UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) por meio da Aginova (Agência de Internacionalização e de Inovação), com apoio da Startup Sesi, do Sistema Fiems.

As dez empresas selecionadas vão passar por uma mentoria para elaboração de projetos, com capacitação na temática da internacionalização de negócios, e quatro delas receberão bolsas de permanência em Portugal, por 12 meses.

Saulo Gomes Moreira, professor da UFMS e diretor da Aginova, explica que para participar as startups devem ter produtos ou serviços já validados, em comercialização e com potencial para escala internacional. Também devem se enquadrar nas áreas de agronegócio, bioeconomia, biotecnologia, cidades inteligentes, energias renováveis, biodiversidade, saúde animal, saúde humana, tecnologias sociais e assistivas, tecnologias da informação e comunicação e tecnologias para a educação.

“É essencial para o desenvolvimento desse programa, principalmente para manter estas empresas em imersão em Portugal. Por isso as propostas devem estar alinhadas às áreas prioritárias e estratégicas para pesquisa, desenvolvimento e inovação no Estado”, disse Moreira.

Márcio de Araújo Pereira, diretor-presidente da Fundect, ressalta que a oportunidade é única para os empreendedores. “Eles poderão conhecer e se integrar com um sistema de inovação europeu, mais avançado, e entender as ações de comércio no exterior. É um programa que permite que as empresas se aprimorem para colocar os produtos sul-mato-grossenses no mercado externo”.

As startups interessadas podem submeter os projetos por meio da plataforma SIGProj-UFMS (https://sigproj.ufms.br/) até o dia 10 de setembro. O resultado final do processo seletivo está previsto para ser divulgado no dia 2 de outubro.

O edital pode ser acessado clicando aqui.

Web Stories

Ex-vereador é morto após confusão em evento de confraternização Dicas para bons hábitos de sono para crianças Militar perde a vida após acidente grave em Aquidauana Traficante “Gringo” é executado O segredo do engajamento no Instagram