2
Campo Grande - MS Busca
Esporte

Beneficiário do Bolsa Atleta, Arthur Mariano é campeão do Circuito Brasileiro Vôlei de Praia 2023

Ao lado do paranaense Adrielson Emanuel, o atleta federado por Mato Grosso do Sul chegou ao seu primeiro título da principal competição de vôlei de praia do país.

18:45 - 21 set 2023 | Por Douglas Duarte

Créditos: Maurício Val/FVImagens/CBV

Campo Grande (MS) – Beneficiário do Bolsa Atleta, Arthur Mariano sagrou-se campeão do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia 2023, no último final de semana, na etapa do Top 12, na Praia de Iracema, em Fortaleza (CE). Ao lado do paranaense Adrielson Emanuel, o atleta federado por Mato Grosso do Sul chegou ao seu primeiro título da principal competição de vôlei de praia do país.

A dupla acabou ficando com a prata na capital cearense, oitava parada do tour nacional. Na final, foram derrotados por George/André (PB/ES) por 2 sets a 0 (21×18 e 21×19). Mesmo assim, o título geral do Circuito veio de forma antecipada e já estava garantido assim que passaram pelas quartas de final, ao superarem Mateus e Adelmo (CE), outra dupla postulante ao troféu, por 2 sets a 1 (10×21, 21×18 e 15×13). Tudo isso graças à boa sequência de pódios na temporada.

Arthur e Adrielson venceram as etapas em Campo Grande (MS) e Brasília (DF), e ficaram com a prata em Maringá (PR), Itapema (SC) e Cuiabá (MT). “O último jogo simbolizou como foi nossa temporada, muita superação e resiliência do nosso time. Em muitas partidas começamos perdendo o primeiro set, mas com muita união e força conseguimos reverter o quadro adverso”, destacou Arthur, contemplado pela categoria Internacional do Bolsa Atleta, programa do Governo de Mato Grosso do Sul coordenado pela Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer) e Setescc (Secretaria de Estado de Turismo, Esporte, Cultura e Cidadania).

“O Circuito Brasileiro é muito difícil, são muitas duplas com alto nível, umas sete ou oito duplas com condições de disputar títulos. Esse jogo contra Adelmo e Mateus foi muito tenso pois sabíamos da importância, mas conseguimos a vitória e, com ela, nosso maior objetivo do ano”, completou o atleta, que nasceu em Ilha Solteira (SP), mas é radicado em Três Lagoas (MS), onde descobriu e começou a treinar vôlei de praia e também na quadra.

Com 26 anos, Arthur já disputou algumas edições dos Campeonatos Brasileiros de Seleções e também de etapas de base do Circuito Brasileiro. Formando parceria com o carioca Guto, o atleta foi campeão do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia – Superpraia 2020-21, assegurando vaga para etapas do Circuito Mundial.

Lucas Castro – Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte), com informações da CBV